Desabafo Junino: Professores não trabalham por amor!


Alguns devem se perguntar: Renata, criatura, você detesta festa junina, né não?! Né não. Eu adoro! Desde que os professores trabalhem por que querem; sua participação seja voluntária. O que não é realidade para a maior parte de nós, professores dessa pátria (des)educadora. A maioria dos professores, especialmente os que estão na rede privada, são obrigados a trabalhar muitas horas fora de seu horário para realizar um evento que é da escola. E o que ganham com isso? Nem um real a mais nos seus salários, nada no seu banco de horas, e incrivelmente às vezes nem um “muito obrigada equipe”!

Acho terrível esse discurso de que o que professor faz é por amor. Amor não paga nossas contas. Amor não paga a carne que aumentou, Amor não paga minha conta de luz, gás, telefone e internet. Amor não paga minha prestação de financiamento. O que paga é o salário que recebo ao final do mês, que tão minguado já está difícil de pagar todas as contas acima mencionadas e mais uma meia dúzia.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s