Código de conduta para os alunos das Escolas Municipais e Estaduais.


Finalmente, é publicada, em Diário Oficial, uma resolução que restringe o uso das famosas “pulseirinhas do sexo” nas escolas do Município do Rio de Janeiro, a exemplo do que vem acontecendo em outras cidades pelo país a fora. Segundo a Secretaria municipal de Educação, a proibição é válida não só para a “pulseirinha do sexo”, mas para quaisquer adereços com conotação sexual, como camisetas e bonés. A Resolução proíbe, também, o uso de bonés, celulares ou qualquer outro tipo de aparelho eletrônico portátil. Ainda de acordo com o texto, o descumprimento pode acarretar em apreensão do objeto por até dois dias. De acordo com o texto, fica proibido,  segundo o artigo 22 da resolução, “qualquer comportamento de agressão física, verbal ou eletrônica a aluno, professor, funcionário da Unidade ou demais representantes da comunidade escolar”. , podendo acarretar em suspensão e explusão. Na minha opinião, esta medida só tem a ajudar os professores a executar o seu trabalho em sala de aula. Pelo menos não teremos mais que interromper uma atividade para pedir ao aluno que desligue o celular que, de maneira irritante, fica ligado tocando um pancadão/proibidão. Espero que a resolução em vigor, realmente, atinja às unidades de ensino de maneira que possamos usar das medidas legais para conduzir este tipo de problema com os alunos. Parece-me que a relação aluno-professor está cada vez mais delicada. Se estão se tornando comuns os relatos de agressão de alunos por professores, infelizmente o contrário não é abordado pela mídia com tanta ênfase. São comuns as histórias de agressões verbais e físiscas sofridas por professores da rede básica de ensino no nosso país – os profissionais das unidades escolares estão vulneráveis à violência que adentram às escolas. Espero que não seja preciso alguém morrer para que as autoridades avaliem a situação e intervenha da maneira devida.  

  • O que são Pulseirinhas do Sexo???
  • Elas são muito usadas por adolescentes. Em todo canto, há um adolescente com uma ou várias destas pulseiras coloridas de silicone, que custam poucos centavos. São usadas tanto por meninos, como por meninas. Meus alunos, inclusive, adotaram as pulseiras e as brincadeiras por trás de cada cor.
    O jogo cahama-se snap. Meninos e meninas usam pulseiras cujas cores indicam a prática sexual que estão dispostos a se submeter.Se a pulseira for arrebentada, o indivíduo deve praticar aquilo que a cor indicava.
    ‘Snap’ é uma palavra inglesa que significa quebrar, partir, rebentar, etc.. Note-se que não se trata de nenhum tipo de violência, mas de uma atividade pacífica que é aceita por ambas as partes. Este aspecto não tem sido considerado por muitos! Há pouco tempo, uma adolescente de 13 anos de Londrina foi estuprada depois de ter uma pulseira “preta”arrebentada.
    Veja, abaixo, os significados de cada cor e entenda porque a menina foi estrupada:
    » Amarela – significa dar um abraço;
    » Laranja – significa uma “dentadinha do amor”;
    » Roxa – já dá direito a um beijo com língua;
    » Cor-de-rosa – a menina tem de lhe mostrar o peito;
    » Vermelha – tem de lhe fazer uma lap dance (dança erótica);
    » Azul – fazer sexo oral praticado pela menina (”boquete”);
    » Verdes – chupões no pescoço;
    » Preta – significa fazer sexo com o rapaz que arrebentar a pulseira;
    » Dourada – fazer todos citados acima ou sexo oral simultâneo (“meia-nove”);
    » Listrada– sexo na posição “frango assado”;
    » Grená – Sexo anal sem lubrificante;
    » Branca – a menina escolhe o que lhe apetecer
    » Transparente – sexo com parentes consanguíneos;
    » Marrom – exo escatológico (“brown shower”)

    Atenção, pais, estejam atentos ao que os seus filhos estão usando e fazendo. Acredito que esta seja uma excelente oportunidade de conversar com os adolescentes sobre sexualidade.

    Anúncios

    2 opiniões sobre “Código de conduta para os alunos das Escolas Municipais e Estaduais.”

    1. Muito boa essa iniciativa para divulgar comportamentos, valores e ritos. Precisamos ficar muito atentos em relação as nossas crianças e adolescentes, afinal estamos vivendo tempo de caos, socialmente estruturado. Violência multifacetada, e total desordem social, cultural e moral. Gostei muito dessa chamada. Abraços.

    Deixe um comentário

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

    Foto do Google+

    Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

    Conectando a %s